terça-feira, 10 de maio de 2011

A verdadeira causa da morte de Lacraia


Foi hoje mesmo que soube que a dançarina Lacraia veio a falecer. Ouvi a notícia por volta das 13 horas, enquanto pegava carona com meu pai para trabalhar. Como é de praxe, ele ouve há anos um programa de péssimo gosto chamado "Patrulha da Cidade", da Super Rádio Tupi, que é transmitido nessa faixa de horário.

Até então os radialistas faziam suas explanações fictícias e já consagradas por explorar em demasia o sensacionalismo. E assim fizeram quando noticiaram que Jair Bolsonaro, o deputado homofóbico, estava distribuindo panfletos contra gays. Ora, é verdade que o tal deputado, indignado com a decisão do Supremo Tribunal Federal na semana passada, resolveu manifestar-se contra a diversidade. O problema foi a abordagem! O radialista debochava: "Cada um dá o que é seu...", como se ser LGBT implicasse necessariamente no ato de ser penetrado. Mas enfim, que se limitassem à ignorância. Pois não se limitaram, e ousaram ser inescrupulosos. Após noticiarem que um "traveco" matou uma mulher por ciúmes do namorado, e outras notícias tão fantasiosas quanto essa, resolveram colocar na pauta a morte da dançarina Lacraia, e foi daí que eu soube que ela havia falecido.

O erro começou por enfatizar o nome de batismo da dançarina. Ora, se ela quisesse ser chamada pelo nome de batismo, usaria o nome de batismo. Custa entender que ela é Lacraia e ponto!? Ou alguém fica por aí publicando os shows de José e Durval de Lima, ao invés de Chitãozinho e Xororó, ou Mirosmar e Welson David, ao invés de Zezé de Camargo e Luciano? Ou ainda, tecendo notícias de fofoca com o nome de Maria da Graça, ao invés de Xuxa, ou exibindo filmes com Arlette Torres, ao invés de Fernanda Montenegro? No caso da Lacraia, a intenção é realmente vilipendiar a honra, humilhar, ferir a história da dançarina.

Mas o que me deixou mais indignado, até mesmo assustado, foi quando um dos radialistas perguntou:

- Morreu de quê, de Aids?

E, ao receber uma suposta resposta afirmativa, completou:

- Viu só? Fica dando o que é seu por aí que você vai ver!, em referência à máxima proferida sobre a notícia da panfletagem do deputado Bolsonaro.

É sabido que o programa "Patrulha da Cidade" nunca teve muito escrúpulos nem muita ética ao abordar temas caros à sociedade e, por isso mesmo, polêmicos (ou melhor, polemizados) por ela, como o são os direitos humanos e a diversidade sexual. Liberdade de imprensa tem limite, minha gente. E é um limite ético! Liberdade de imprensa requer o mínimo de responsabilidade. Vincular a AIDS à prática sexual entre gays, especificamente atribuindo ao penetrado a culpa pela doença, é de um preconceito sem precedentes! Trata-se de uma irresponsabilidade inimaginável, além de refletir ignorância, retrocesso, má-fé. A atitude se assemelha àquela proferida por Marcelo Dourado, quando, ainda no reality show Big Brother Brasil 10, disse que heterossexuais não pegavam AIDS. Que história é essa de que "dar o que é seu" é condição per se de transmissão e recepção do vírus HIV? Como se não existisse prevenção entre LGBT's, como se ser LGBT fosse o bastante para ser soropositivo, como se heterossexuais usassem camisinha em todas as suas relações. E ainda, como se Lacraia fosse soropositiva.

Não é da conta de nenhum jornalista a sorologia da dançarina. A causa da morte não foi divulgada, e se não foi divulgada é porque não interessa. Há que se respeitar! Tantos e tantos artistas homossexuais e heterossexuais morrem em função das complicações do HIV e não há imprensa que tenha culhão de peitar o luto dos familiares desses artistas e de explorar sua dor em nome de um furo de reportagem que desvende que a causa da morte foi o vírus da AIDS. Por que com a Lacraia tem que ser diferente? Por dois motivos: 1) LGBT quando morre, sobretudo se, sendo biologicamente homem, trouxer consigo elementos do feminino, morre em função da AIDS. Não se pode ficar doente, emagrecer, mudar de vida, morrer, porque se é gay, tem AIDS!; e 2) Lacraia é uma aberração para nossa sociedade! Ela não se enquadra no masculino, no feminino, porque ela ousou ser mais que isso. Ela não se encaixou, não coube nas normas sociais. O que matou Lacraia não foi AIDS ou qualquer doença crônica que conste na Organização Mundial da Saúde. O que matou Lacraia, e continuará matando, infelizmente, todos os dias, é outra doença crônica que, por ser produto da sociedade, é considerada uma doença social: o preconceito.

Lacraia não morreu em função da falência de seus órgãos ou em decorrência da desfunção de coração. Lacraia foi assassinada! Sim, assassinada cruel e brutamente por programas como o "Patrulha da Cidade". E ela mesma, defunta, continuará a ser assassinada, morte sobre a morte, dia após dia, enquanto programas dessa estirpe continuarem a desrespeitá-la, destituindo-a de um direito tão fundamental, que é o direito de morrer, privando-a da dignidade na hora da partida.

Por outro lado, é de suma importância lembrar que a morte da Lacraia não é destino manifesto. A esperança de fazê-la viver está nas nossas mãos. Sim, nós já fomos capazes de eternizar tanta gente bacana, representativa, gente que iluminou nossas vidas com tanta alegria e emoção. Ou alguém duvida que Cazuza ainda viva? Eu creio que Renato Russo também está entre nós, assim como Tom Jobim, Jorge Lafond, Noel Rosa, Cássia Eller, e tantos outros, tantas outras artistas.

Vai, Lacraia! Vai em paz, Libélula do Bem! Seja feliz e transmita a alegria de viver aí, do outro lado deste palco da vida, estando certa de que você, enquanto estrela, continuará a brilhar, seja aí, seja cá, nos nossos corações!

***

Se você também se sente indignado ou indignada com a abordagem sensacionalista do programa "Patrulha da Cidade", manifeste-se. Escreva para eles! Mostre sua rejeição a esta prática. Eu fiz isto e você pode fazer também. Hoje, Lacraia é cada um de nós. Clique AQUI para acessar o site deste programa e deixar a sua manifestação de repúdio.


35 comentários:

  1. Sai fora! eles só não tem razão de falar desse jeito mas o contexto está certissimo, o homem foi feito para a mulher, e não ao contrário.
    Deus tenha misericórdia de suas vidas se achares ao contrário!
    Vocês não vão querer que a mão de Deus caia sobre vocês.
    Leia a Biblia Sagrada e terão a resposta pra isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. por favor sem religiao e licao de moral

      Excluir
    2. A mesma hipocrisia de sempre, esse ato repugnante de fingir ter crenças, virtudes, ideias e sentimentos que alguma pessoas na verdade não as possuem, sempre usando a bíblia para julgar tudo e todos que são diferentes, seja na religião, sexualidade entre outras coisas. Que nojo!!!

      Excluir
  2. Isso sim é o que eu chamo de escrever! Leo, Parabéns! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Parabéns, Léo!
    Vergonhoso ver como, infelizmente, ainda há tanta gente tacanha. Que fique claro que não há a menor intenção de transformar o mundo em um lugar para gays. Mas em um lugar para todos.
    Que fique claro, igualmente, que um comunicador de rádio não tem o direito de falar o que quer. Em nosso país, com tantas pessoas ignorantes (no sentido mais puro da palavra ignorância), um meio fabuloso como o rádio acaba formando opiniões. E isso exige o mínimo de responsabilidade. E eu falo como uma pessoa que trabalhou em rádio durante um tempo considerável.
    Exemplo maravilhoso foi nosso amigo anônimo que postou aqui em cima. Ele deve ser uma vítima dessa formação de opinião deturpada. Uma pessoa que cita a Bíblia para vomitar asneiras. Um exemplo triste de uma realidade do nosso país: o analfabetismo funcional: o cara lê e não entende. Um hétero covarde! Falta "macheza" para assumir a própria opinião. Teriam os gays mais colhões (ou coragem, para os mais sensíveis)?
    A sorte é que , graças a DEUS, aos poucos, as cabeças vão se abrindo e vamos conquistando RESPEITO.
    Anônimo, querido, que haja luz em sua vida!

    ResponderExcluir
  4. Maravilhoso texto e fez justica a Lacraia. Ameiii. A turma da "Patrulha da Cidade" sao covardes e nao tem a minima etica. Espero que possamos aprovar a o Projeto de Lei da Camara 122/2006 para acabar com programas como esse que disseminam puro preconceito. Obrigado mais uma vez por fazer essa linda homenagem a Lacraia explicando eloquentemente os fatos. Parabens!!! :) D

    ResponderExcluir
  5. RICARDO ROCHA AGUIEIRAS11 de maio de 2011 06:57

    Léo, emocionante o seu texto e me provoca algumas reflexões:
    -Cadê a militância LGBT em casos como esse? No meu modo de ver, -além de, claro, escrever protestando para o programa fascista, machista, preconceituoso e misógino - é entrar com ação na Justiça. Uma, por que ninguém pode revelar , nem mesmo sugerir, a sorologia de alguém, publicamente. dois, todos os seus argumentos brilhantes revela a homofobia e a ofensa contra Lacraia, o desrespeito grave , inclusive à uma pessoa falecida. Cadê as ong's LGBT para entrarem com ação, já? Cade a ABGLT para protestar?? Só ficam organizando merdas de "conferências " e de "seminários" que nunca nos levaram a porra nenhuma , pagos com o dinheiro público, o seu e o meu incluídos. Cadê eles???? Sendo realista, a única vitória que tivemos em longuíssimos anos e anos não foi provocada por conferencias ou seminários, mas pelo STF. Enfim, como viajar gratuitamente, hotéis, almoços sempre é bom, né... Não era o caso de toda essa militância colocar a boca no trombone? Mas, não... Agora, você fala de um programa de rádio preconceituoso. Eu vou além: aposto e pago pra ver: se fosse uma beesha phyna, intelectual, certinha, dessas que andam de terno ou se julgam porta vozes de tudo, têm partido político e duas faculs, pós e o diabo à quatro que tivesse morrido, toda a militância estaria consternada e falando em todos os lugares. Grande merda a nossa militância amorfa e "certa". Incapazes de um mínimo de empatia e solidariedade, exceto ao ego de seus "lideres", que fazem da militância uma profissão!

    ResponderExcluir
  6. o mundo é gay queridos se os gays forem descobrir quem fica com eles agente choca toda sociedade e quem tem raiva de gay é biba encubada todos sabem disso kkkkkk morram de inveja e viva os gays! deixa eles se morder ai adoro morro de rir desses idiotas! quanto mais eles falam mais bofes eu faço por ai e dou meu show!,,,,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. desculpa amigo mais eu não me sinto confortável com seu comentário de que o mundo é gay, eu respeito o ser humano e o direito de ir e vir mais só por não ser homossexual não quer dizer que concordo com essa afirmação, assim como o anônimo em cima disse sem religião, digo sem imposição, Se você optou por ser homossexual, leva a sua opinião para o seu distinto grupo.

      Excluir
  7. Caro anônimo, a Bíblia Sagrada que lemos traz uma mensagem de amor incondicional e irrestrito de um Deus que é Pai misericordioso e compassivo, um pastor capaz de dar a vida por suas ovelhas e cuja mão jamais se abateria sobre nenhum de seus filhos amados. Que a paz dEle esteja sempre com você.

    Caro Léo, parabéns pelo artigo. Um forte abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa que engraçado.falou da bilbia mas não deve ter lido a parte que deus condena releção sexual entre pessoas do mesmo sexo,deus criou homem e mulher pra multiplicar as pessoas,como homem com homem faz filho? e vice versa.............por isso o mundo ta essa bagunça as pessoas ta achando tudo normal

      Excluir
  8. Muito bom rapaz, de extremo bom gosto o seu texto!

    ResponderExcluir
  9. Bom texto, não concordo com alguns pontos mas em suma um bom texto.. mas o que indigna é um "senhor da razão" ai usar o espaço pra comentar de maneira anônima e invocar um Deus que ela nem conhece um livro que ela conhece menos ainda pra dizer que isso vai te dar resposta pra alguma coisa.. a linha tênue entre a radicalidade e a babaquice.. a Lacraia e tantos outros jovens no Brasil morrem por causa desse tipo de gente com esse radicalismo ignorante... no Brasil tem uma guerra étnica que ninguém ve e tá matando muita gente, é bom os anônimos torcerem pra essa guerra um dia não virar uma guerra armada!!!

    ResponderExcluir
  10. Leia a Bíblia Sagrada e terá a resposta para isso: esquecer aquele livo de fantasias e mitos e viver de acordo com o bom senso e a liberdade de cada um. Comentário de quem já foi evangélico: essa história de "Deus pesar a mão", "Deus tenha misericórdia" é típica de quem deseja o mal do outro. Cuidado, que isso tb é pecado e Deus pesa a mão, viu? rs Aff!

    ResponderExcluir
  11. Você que diz que basta ler a Bíblia e interpretar que Deus não criou os homossexuais, por que não mostra a cara, pilantra!
    Deus vai sim, cobrar do sangue de tantos inocentes que há em suas mãos, assim como de outros canalhas que promovem a morte em nome de Deus!
    É meu caro, no ultimo dia quendo lhe disser apartaivos de mim maldito porque nao te conheço, porque estive preso e noa foste me visitar, tive fome e não me deste de comer, era forasteiro e nao me hospedaste, estava nú e não me vististe, enfermo e nao foi me visitar! Em verdade vos digo que sempre que deixaste de fazer a um destes pequeninos, (ou seja, os mais fracos, os considerados a corja da sociedade), a mim deixaste de fazer.

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o texto !!!
    gostei muito e acho que todos gostoram !
    abraços.
    JOHNSON.
    CONSELHEIRO PENA MG.

    ResponderExcluir
  13. Eu não concordo com ataques a homossexuais, pessoas que os discriminam , atacam , humilham...
    Independente da orientação sexual somos igualmente filhos de DEUS.
    Mas dizer que concordo e acho certo como muitos aí fazem da boca pra fora já é demais!
    Pela minha concepção o homem foi feito para mulher e vice - versa, sem essa de achar que está tudo certo.
    Mas ressaltando sempre que devemos respeitar todas as pessoas como seres humanos ♥

    ResponderExcluir
  14. Léozinho meus parabéns o texto ficou otimo adorei.Synthia Xavier

    ResponderExcluir
  15. Caros amigos o texto do Léo nos traz uma informação que é de deixar qualquer pessoa de bom senso indignado, eu desde criança detesto esse programa, bem como o do Wagner Montes na record, aliás detesto a recod como um todo pois representa o império da Igreja Universal que diariamente persegue homossexuais e fiés das religiões espíritas e afro...notem como o próprio Wagner debocha das pessoas! Enfim, eu sou hétero convicto possuo a minha família constituída, mas defendo a posição de proteção dos direitos do indivíduo seja ele de que orientação sexual for, crença, etnia, portadores do vírus HIV, etc. Mesmo por que também defendo que as pessoas são o que são e não devam receber rótulos, pois no meu mundo não existem héteros, homos etc, e sim seres humanos, as preferências são de caráter íntimo de cada um! Esses que se põem contra a união estável que teve parecer favorável do STF nem sabem o que diz, pois já ouvi gente dizendo que isso era coisa da Dilma (como se isso fosse errado) sem saber que era uma apreciação proposta pelo governo do Rj e que a aprovação criaria jurisprudência para o deferimento das causas existentes ou que viessem a existir proporcionando o direito aos casais do mesmo gênero. Por que haveria de ser diferente? Mas nesse caso retratado no texto, deixo aqui a minha indignação em nome de minha esposa e filho e torço para que essa intolerância seja enterrada! O anônimo é um frustrado, alguém duvida que ele não "esconda" alguma coisa de sua vida? Deixem ele para lá, pois a mão de Deus já pesa sobre esse pobre coitado. Abaixo o preconceito, a homofobia, a ignorância! Pois a AIDS perto dessas doenças não é nada! abraços a todos! Lacraia descanse em paz!

    ResponderExcluir
  16. Muito bem Léo! ^-^

    - Saiba que nem os "Heteros" tem direito de julgar o que é certo e o que é errado!
    Eles confundem as vontades deles e os principios deles com os de Deus!
    Se Deus criou, O homem para a mulher, Por quem nós (Homosexuais) fomos criados?
    Esse debate vai se estender por muitos e muitos anos, hoje eu vivo de um jeito que nao ligo pelo que as pessoas acham que é certo ou errado, vivo pelo que gosto... pelo que cativo e pela as pessoas que amo, e pelas que me amam do jeito que sou.
    Se os gays, vão para o inferno pelos seus atos de amar outro homem, os heteros também vão por se acharem certos na sociedade!

    - Eles devem achar que ser gay é uma opção, que nos escolhemos ser gays para ser diferente da sociedade e rejeitados/discriminados pela sociedade.

    - Agora me diz, quantas pessoas ja se suicidaram por não aceitarem a si mesmo, pelo que verdadeiramente são, por medo da sociedade e da família.

    E quantas aindam vão morrer?? E os heteros só se preocupam no que eles acham certo!

    Quer dizer se vc é gay, e sente atrações por homens, voce deve se casar com uma mulher e ter uma vida "Normal" pq é isso que a sociedade espera de voce, e quantos ainda se submetem à isso, deixando de viver as suas vontades para viver as vontades dos outros! Será que isso é verdadeiramente viver? Acho que não.

    Então viva a liberdade dos gays! o/ ^-^
    Somos gays... Somos seres humanos como todos os outros, e os heteros vão ter que nos engolir... goste ou nao! :DDDD

    1bjo e vamos que vamos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foram Criados pelo DIABO, Se estão se matado problema deles ninguém colocou um 38 na sua orelha e falou agora se mata seu FDP. apesar que deveria ser assim!!! E são vcs que vão ter que nos engolir!

      Excluir
  17. Parabéns Léo! Encontrei esse post no Homorrealidade e fiquei curioso em conhecer o seu espaço. Confesso que fiquei surpreendido com esse texto, uma mistura de desabafo e crítica.

    Um misto que me agradou muito. Concordo com tudo o que disse. Não conheço o programa em questão, graças a Deus, mas só com as suas palaras dá para imaginar o quão sensacionalista e despreparado ele deva ser.

    Infelizmente, abordagens desse tipo são mais comuns do que se imagina, sobretudo no Brasil onde a ignorância social com relação à temas polêmicos é gritante. As pessoas ainda encontram resistências para tolerar a homossexualidade alheia como se ser gay fosse algo sobrenatural.

    Essa visão limitada só tende a piorar quando o homossexual é travestido, pois a sociedade não entendi nem o gay masculinizado, imagine então o travestido?!

    É a partir de discussões como essa que nós contribuímos para desconstruir o preconceito ainda operante. Sua contribuição nesse texto foi crucial, não apenas para a comunidade LGBTT, mas também, especialmente para a ala dos travestis tão inferiorizada entre o segmento gay.

    PARABÉNS MESMO QUERIDO! bjoxxxxxxxxxx no coração!

    ResponderExcluir
  18. Ah! deixei o meu voto de rep[udio ao programa! :D

    ResponderExcluir
  19. parabens léo pela materia temos que acordar e começarmos afazer algo para eliminar o preconceito um absurdo oq essa radio diz

    ResponderExcluir
  20. Ah!Se vc permitir, eu quero postar esse texto no meu blog tbm, para conscientizar ainda mais as pessoas sobre a IMPORTÂNCIA de se respeitar a privacidade alheia!

    bjoxxxxxxxxxxxx no coração!

    ResponderExcluir
  21. Postar comentários contra, discordando ou maldizendo o que foi escrito por Léo, e não colocar a cara nem o nome, só mostra o quanto se é covarde e se esconde atrás do "anônimo".

    ResponderExcluir
  22. Se sou deste ou daquele jeito, se acredito que Deus me fez assim ou assado, por que brigar tanto para defender o que sou? Se eu me aceito, me basta... Quem tanto se defende, tem tanta certeza assim de estar fazendo a coisa certa?

    ResponderExcluir
  23. Mas quando eu soube, instintivamente pensei em AIDS. Não pude evitar, me sinto mal por isso.

    ResponderExcluir
  24. blza, gostei do texto!

    ResponderExcluir
  25. Belas palavras, Léo !
    Boas ideias, Respeito é respeito. E todos temos direito a ele. Infeliz colocação, deste radialista.

    ResponderExcluir
  26. concordo com vç leo um abraço

    ResponderExcluir
  27. Site de VIADOS para VIADOS!!! Daqui não sairá sequer uma palavra que PRESTE e que não tenha sido DISTORCIDA, pelo DIABO e os DEMONIOS que os POSSUEM!!!
    Parabéns vocês já tem a PASSAGEM PRO INFERNO COMPRADA SÓ ESTÃO ESPERANDO O TREM CHEGAR PARA LEVA-LOS para o unico lugar que vocês realmente merecem viver!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vc fala tanto de diabo... é o seu senhor, pois não? Porque só se fala daquilo que se conhece.

      Excluir
  28. O que falta em nossa sociedade é a liberdade de expressão.
    Cada um de nós tem a sua forma de pensar. Alguns repudiam o homossexualismo. Outros são completamente a favor. Nenhuma dessas perspectivas está errada. apenas depende do ponto de vista.
    A mesma coisa ocorre entre os darwinistas e os religiosos. Mas como julgar quem está errado?? Por isso devemos respeitar as diferenças, sem usar a violência. VIOLÊNCIA, O QUE NÃO PODE ACONTECER DE FATO.
    A sociedade tem os seus preconceitos, aliás, ninguém tem a certeza de nada, embora ache que saiba de tudo (ou quase tudo). O que seria certo então?? Os brasileiros têm aquele "jeitinho" peculiar; países desenvolvidos são os melhores (o Brasil é uma porcaria); todos os manifestantes são vândalos; os negros são pobres; rockeiros são endemoniados; os gays têm Aids. Infelizmente há pessoas que pensam desse jeito... Mas o que fazer?? A mente humana é assim mesmo, tem as suas esquisitices. Por isso, a solução para essas coisas é, como direi mais uma vez, a extinção da violência contra os grupos marginalizados, que sempre existirão. Porém, só com educação e com uma pitada de rebeldia (revolução), mudanças podem ocorrer na sociedade, sem que isso venha a desrespeitar as filosofias de cada um. Aliás, se todo mundo gostasse do azul, o que seria do amarelo??

    ResponderExcluir
  29. O Deus em que creio, não separa, ele une, ele é infinitamente bom e misericordioso.Não distingue por cor, credo,orientação sexual.Não manda atirar a primeira pedra, ele acolhe, perdoa, ensina e nos dá o livre arbítrio.E quando erramos, só cabe a ele julgar e perante ele; vamos responder por nossos erros.O dia em que o ser humano amar ao próximo como a si mesmo,muita coisa vai melhorar. Tenho fé.

    ResponderExcluir

Para quem sabe urinar, um pingo é letra!
Alivie o estresse e urine suas idéias no seu comentário!